Banco suíço Julius Baer informou à Justiça dos Estados Unidos que pagou US$ 3,9 milhões em propina a Marin e Del Nero - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

terça-feira, 1 de junho de 2021

Banco suíço Julius Baer informou à Justiça dos Estados Unidos que pagou US$ 3,9 milhões em propina a Marin e Del Nero

 


José Maria Marin foi presidente da CBF de 2012 e 2015, e foi preso na Suíça em maio de 2015, já Marco Polo Del Nero, sucessor de Marin presidiu a CBF entre 2015 e 2018 e foi banido da Fifa em 2018.

Banco suíço Julius Baer informou à Justiça dos Estados Unidos que pagava propinas e subornos para José Marin e Marco Polo Del Nero em empresas controladas por ambos. Os pagamentos começaram em 2013 e estima-se que pelo menos US$ 3,9 milhões [R$ 20 milhões] foram feitos por meio de contas no banco. 

A afirmação dos pagamentos faz parte de um documento de 41 páginas tornado pelo Departamento de Justiça dos EUA que tornou público as confissões e que detalha um acordo feito pelo banco com as autoridades americanas. José Maria Marin foi presidente da CBF entre 2012 e 2015 e foi preso na Suíça em maio de 2015. 



Já Marco Polo Del Nero, sucessor de Marin, foi presidente da CBF entre 2015 e 2018, foi indiciado pela Justiça dos EUA em dezembro de 2015 e banido da Fifa em abril de 2018 para sempre de todas as atividades relacionadas a futebol.


Fonte: Bola Vip

 

 


Nenhum comentário: