Santos sai na frente, mas vacila e fica apenas no empate com o São Bernardo na Vila - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2022

Santos sai na frente, mas vacila e fica apenas no empate com o São Bernardo na Vila

 


O Santos segue sem vencer na Vila Belmiro em 2022. Na noite desta quinta-feira, o Peixe até saiu na frente, mas vacilou e ficou apenas no empate de 1 a 1 com o São Bernardo, pela quinta rodada do Campeonato Paulista. O resultado não agradou nada a torcida santista. Com isso, vaias foram ouvidas após o apito final.

Com a igualdade, o Alvinegro Praiano estacionou na terceira colocação do Grupo D, com seis pontos, quatro a menos que o líder RB Bragantino. Já o Bernô segue na ponta da Chave B, com oito.

O Santos volta a campo agora no domingo, às 16 horas (de Brasília), contra o Ituano, na Vila Belmiro. Já o São Bernardo recebe o RB Bragantino, às 20h30.

O jogo – A primeira etapa começou com os anfitriões apertando. Com quatro minutos, Lucas Braga cruzou com precisão na cabeça de Madson, que parou em ótima defesa de Júnior. Na sequência, Marcos Leonardo foi lançado na entrada da área, dividiu com o goleiro no alto e emendou uma linda bicicleta. A bola passou a centímetros do gol e se perdeu pela linha de fundo.

Já aos 25, nada impediu o tento do camisa 9. ngelo fez boa jogada individual pela direita, cortou para o meio e enfiou ótimo passe para Marcos Leonardo, que tocou de cavadinha para marcar um golaço. 10 minutos depois, quase saiu mais um. Após bate rebate, a bola sobrou na medida para Ricardo Goulart, que acertou o travessão.

A partir de então, o São Bernardo tentou correr atrás do prejuízo. A resposta saiu aos 39. Davó foi acionado na entrada da área, dividiu com Kaiky e ficou cara a cara com João Paulo. Na hora de finalizar, no entanto, ele mandou pelo lado.

Na volta do intervalo, os visitantes passaram a dominar a posse de bola. Contudo, a equipe do ABC encontrou dificuldades para assustar. A primeira chance real da segunda etapa foi aos 18 minutos. Rodrigo Souza soltou uma bomba da entrada da área e obrigou João Paulo a fazer grande defesa

No lance seguinte, entretanto, o empate saiu. Silvinho aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou para o fundo da rede. E o Peixe sentiu o golpe. O time do técnico Fábio Carille demorou para reagir e, com isso, viu a paciência da torcida ir embora.

Nos minutos finais, o Alvinegro Praiano até esboçou uma pressão em busca de um tempo salvador, mas nada foi suficiente para evitar o empate.

Gazeta Esportiva (foto: Ivan Storti/assessoria)

Nenhum comentário: