Jogo entre Flamengo e Atlético-MG aquece venda de camisas e bandeiras - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

sábado, 19 de fevereiro de 2022

Jogo entre Flamengo e Atlético-MG aquece venda de camisas e bandeiras

 


Nem mesmo a chuva intimidou os vendedores de expor camisas e bandeiras de times pelas ruas de Cuiabá. Com o jogo entre Flamengo e Atlético-MG, amanhã, na Arena Pantanal, os torcedores não só esgotaram os ingressos como também procuram pelas camisas do clube do coração para acompanhar a partida.

Os ingressos, inclusive, já esgotaram ontem. Ao todo, foram disponibilizadas mais de 31.219 entradas para o duelo, que foram comercializadas tanto pelo site quanto em lojas físicas. Com o mercado aquecido, o vendedor Josival Paraíba saiu do Rio Grande do Sul só para vender camisas em Cuiabá. Na avenida do CPA, próximo da Havan, ele montou seu ponto e pendurou diversas camisas e bandeiras.

Mas o clube que mais está vendendo agora é o Flamengo, segundo conta. “Eu vendo mais Grêmio e Inter, porque eu venho do Sul, que são os times mais tradicionais. Aqui é mais Flamengo, Palmeiras e Corinthians”, avalia. A chuva ainda não tinha caído na região, mas Josival diz que ela é uma benção e não chega a atrapalhar o seu negócio. Somente naquela tarde, ele vendeu 7 camisas e bandeiras. O preço sai por volta de R$ 50 a R$ 70.

Josival, inclusive, deixa o seu palpite para disputa: “Tá saindo mais Flamengo, estou vendendo pra ajudar a galera, que está atrás de um título. Pode ser que venha, é? Mas tem o Hulk [jogador do Atlético-MG), que é muito forte. Mas o Flamengo acho que vai levar. Tem que sair nos pênaltis”, opina.

Outro colega vendedor, agora do outro lado da calçada, veio do interior do Rio de Janeiro. Sabendo que há muitos torcedores do Flamengo em Cuiabá, ele trouxe somente camisas do clube rubro-negro.

Ele não quis se identificar, com medo da fiscalização. Porém, afirma que vendeu, desde manhã, de 6 a 8 camisas. Para sua surpresa, muitos torcedores do Atlético-MG apareceram para comprar camisas.

A Gazeta (foto: Otmar de Oliveira)

Nenhum comentário: