Flamengo vence o Sport por 2 a 0 e se recupera no Brasileirão - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

segunda-feira, 16 de agosto de 2021

Flamengo vence o Sport por 2 a 0 e se recupera no Brasileirão

 


O Flamengo se recuperou no Campeonato Brasileiro e mostrou, mais uma vez, que a derrota para o Internacional foi um “acidente de percurso”. Embalado pela goleada na Libertadores, o clube carioca voltou a vencer no torneio nacional.

Neste domingo, o Flamengo fez 2 a 0 no Sport, no Raulino de Oliveira, pela 16ª rodada. O Fla mandou o jogo em Volta Redonda, pois o gramado do Maracanã passa por melhorias.

O clube carioca foi senhor do jogo. O Flamengo logo dominou o Sport e construiu uma vitória tranquila. O habitual volume ofensivo ficou “prejudicado” por erros de passe na hora de criar chances melhores.

Com a vitória, o Flamengo, mesmo com dois jogos a menos, cola no G-4. O clube carioca está na quinta colocação, com 27 pontos, um a menos do que o Bragantino. A diferença para o líder Atlético-MG é de dez pontos.

O próximo compromisso do Flamengo pelo Campeonato Brasileiro é no domingo, contra o Ceará, às 16h00 (de Brasília), no Castelão. Antes, o Fla faz o jogo de volta das quartas de final da Libertadores.

Na quarta-feira, o clube carioca enfrenta o Olimpia, às 19h15, no Mané Garrincha, em Brasília. O Flamengo venceu a ida por 4 a 1 e encaminhou a classificação – pode perder por dois gols de diferença ou até mesmo por 3 a 0. O Sport, por sua vez, recebe o São Paulo, no domingo, na 17ª rodada do Brasileirão.

O técnico Renato Gaúcho foi obrigado a mexer no Flamengo. Ele não pôde contar com Diego e Gabigol, suspensos, Gustavo Henrique, com virose, Thiago Maia, Covid-19, e Rodrigo Caio, que continua fora. O comandante, então, optou por Bruno Viana, João Gomes e Pedro, recuperado da entorse no tornozelo esquerdo.

O jogo – O Sport buscou ter a bola no começo do duelo para esfriar o ímpeto do Flamengo. Não deu certo. O clube carioca logo assumiu o controle das ações. Aos dez minutos, Arrascaeta levantou na medida para Bruno Henrique cabecear e abrir o placar. Foi o oitavo gol do atacante, artilheiro do Brasileiro.

O Fla balançou a rede oito minutos depois, com João Gomes, mas o gol foi anulado pelo VAR. Isla estava impedido na origem da jogada. O clube carioca era o senhor do jogo. Rodava a bola, rondava a área, mas não conseguia criar chance cristalina de gol.

O Sport era dominado e pouco ameaçava. A única chance de gol foi um “presente”. Após falta cobrada, Pedro tentou cortar, mas desviou a bola para a própria meta. Diego Alves se virou com o “fogo amigo” e mandou para escanteio.

O Flamengo ampliou no primeiro minuto da etapa final. Arrascaeta tocou para Isla. O chileno cruzou para Everton Ribeiro. O chute do meia desviou em Ronaldo Henrique e entrou: 2 a 0. O Sport quase diminuiu. Zé Welinson arriscou da entrada da área. Diego Alves espalmou e a bola ainda bateu no travessão.

O clube carioca era superior, mas pecava no passe decisivo. Renato trocou três peças ofensivas. Ele lançou Michael, Vitinho e Lázaro. Saíram Everton Ribeiro, Arrascaeta e Bruno Henrique.

Mailson precisou evitar o terceiro do Flamengo. Ele defendeu cabeçada de Pedro à queima-roupa. O atacante, depois, errou o alvo e mandou para fora. Pedro chegou a balançar a rede, mas estava impedido. O gol foi anulado.

Gazeta Esportiva (foto: assessoria)

 


Nenhum comentário: