Mato-grossenses participam de Sul Americano de Atletismo - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

segunda-feira, 19 de julho de 2021

Mato-grossenses participam de Sul Americano de Atletismo

 


Três treinadores de Mato Grosso, registrados no CREF17/MT, participaram do 52º Campeonato Sul Americano de Atletismo Sub 20, em Lima no Chile, e contribuíram na conquista no primeiro lugar geral, no masculino e no feminino.

“Nós celebramos o reconhecimento a esses profissionais pela convocação e participação, pois eles incentivam e fortalecem a prática esportiva de alto rendimento e profissional”, pontuou o presidente do CREF17/ Edson Manfrim.

José Elias de Souza, Maria Aparecida Souza de Lima atuaram como técnicos e Sivirino Souza dos Santos foi um dos chefes da delegação no evento.

Professor de Educação Física por mais de 35 anos, José Elias decidiu há nove atuar profissionalmente no atletismo. “Passei a gostar da modalidade e resolvi investir, tenho 60 anos, estou aposentado como professor, e estava pensando em parar de treinar o atletismo, mas essa convocação me motivou a continuar”. Com a convocação o professor agora volta os olhos para próxima Olimpíada, em 2024, na França.

Mais do que profissional e técnico, José Elias realiza um projeto voluntário em Rondonópolis, e foi nele que descobriu a atleta de salto em altura, Arielly Kailayne Rodrigues. A jovem conquistou a medalha de ouro na modalidade na competição em Lima, e é aluna do projeto social realizado pela Associação de Atletismo de Rondonópolis e a escola Domingos Aparecido dos Santos, coordenado por José Elias.

Equipe brasileira é campeã do Sul-Americano Sub-20

O Brasil participou do Sul-Americano Sub-20 com uma equipe de 76 atletas – 37 no feminino e 39 no masculino.

A equipe conquistou o primeiro lugar na classificação geral (417 pontos), no masculino (198) e no feminino (219). A Colômbia terminou em segundo lugar no geral, com 233 pontos, seguida da Argentina, com 188.

Na contagem final, a equipe brasileira conseguiu 40 medalhas, sendo 17 de ouro, 11 de prata e 12 de bronze. A Colômbia ficou em segundo lugar, com 25 (11, 8 e 6), seguida da Argentina, com 23 (8, 7 e 8).

 


Nenhum comentário: