Com golaço e lei do ex, Atlético-MG e América-MG empatam em clássico pela Libertadores - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

quinta-feira, 14 de abril de 2022

Com golaço e lei do ex, Atlético-MG e América-MG empatam em clássico pela Libertadores

 


O clássico entre Atlético-MG e América-MG, pela Libertadores, acabou em empate por 1 a 1. Jogando em casa, no Mineirão, o Galo saiu atrás com golaço de Felipe Azevedo, mas empatou com Ademir, já no final da partida. O resultado marcou a reestreia do treinador Vagner Mancini, anunciado pelo Coelho nesta terça-feira.

O empate coloca o Atlético-MG na liderança do Grupo D, um ponto na frente do vice-líder Independiente del Valle-EQU, que enfrenta o lanterna Tolima-COL ainda nesta quarta-feira, podendo ultrapassar o time brasileiro. O América-MG é o terceiro colocado, com um ponto.

Agora, os dois times voltam seus focos para o Campeonato Brasileiro. No domingo, às 18 horas (de Brasília), o Galo encara o Athletico-PR fora de casa, enquanto o Coelho recebe o Juventude no sábado, às 19 horas, em busca de uma recuperação após perder na estreia.

O jogo – O primeiro tempo foi de bastante pressão atleticana. O time da casa começou os ataques ainda no primeiro minuto do jogo, quando Hulk parou na marcação. O Coelho apostou nos contragolpes e respondeu aos oito minutos, com Felipe Azevedo, mas Mariano mandou para fora.

O Galo seguiu dominando o jogo e obrigando boas defesas de Jaílson em chegadas de Zaracho, Arana, Nacho e Hulk. Aos 27 minutos, em cruzamento fechado, o goleiro do América-MG fez bela defesa para impedir o primeiro gol da partida.

A pressão do Atlético-MG se intensificou nos minutos finais, quando Zaracho recebeu bola no fundo e, mesmo sem ângulo, marcou um golaço. O auxiliar, porém, anulou o lance pois o argentino estava em posição irregular. Na sequência, Vargas se antecipou à defesa de peixinho e por pouco não abriu o placar na primeira etapa.

Na volta do intervalo, o América-MG precisou de cinco minutos para abrir o placar com um golaço. Em contra-ataque, Felipe Azevedo deixou Godín no chão, cortou para dentro e acertou belo chute de fora da área, no ângulo de Éverson, sem chances para o goleiro do Atlético-MG.

A resposta do Galo veio cinco minutos depois. Arana achou belo chute dentro da área, mas Éder fez uma defesa de carrinho e impediu o empate. Aos 23 minutos do segundo tempo, mais um gol do time da casa foi anulado por impedimento, dessa vez com Hulk.

O Galo pressionou até o fim do jogo e, aos 39 minutos da segunda etapa, a ofensividade deu resultado. Ademir recebeu lançamento de Mariano dentro da área, limpou Maidana e bateu para o fundo gol, garantindo o empate e dando números finais ao jogo.

Gazeta Esportiva (foto: Pedro Souza/assessoria)

Nenhum comentário: