Luverdense sai na frente, mas União de Rondonópolis vira e está na final do Mato-grossense - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

domingo, 20 de março de 2022

Luverdense sai na frente, mas União de Rondonópolis vira e está na final do Mato-grossense

 


O Luverdense lutou, foi valente e chegou a ficar a frente do placar, mas saiu derrotado, por 2 a 1, pelo União de Rondonópolis, que conquistou vaga para final do Campeonato Mato-grossense. O duelo foi, há pouco, no Passo das Emas, com a torcida do time do Lucas do Rio Verde lotando as arquibancadas. O Colorado ainda tinha a vantagem do empate, já que venceu a ida também por 2 a 1.

Além da vaga para a final, quando encara o Cuiabá, o União se garantiu na Copa do Brasil e Série D do Campeonato Brasileiro, significado de um calendário cheio no próximo ano e uma boa injeção de dinheiro no caixa. O jogo de ida será dia 26, às 15h30. Já a volta, está marcada para o dia 2 de abril, no mesmo horário.

O time da casa começou bem, pressionando o União, já que precisava construir o resultado. O Luverdense abriu o placar com Thiago, mas cedeu o empate ainda no primeiro tempo, com gol de Yan. No segundo tempo, o LEC pressionou ainda mais, mas Neneca fez milagres nos minutos finais, sendo o nome da partida e salvando o Colorado. No apagar das luzes, o União ainda virou, em contra-ataque, com gol de JP Ribeiro.

O jogo – o confronto começou truncado, com ambas as equipes pecando na hora de definir, e nas transições para o ataque. O Luverdense até tentava se impor e buscar o resultado, jogando melhor empurrado pela torcida, que lotou as arquibancadas do Passo das Emas.

Aos 18, o time da casa chegou pela primeira vez. Mesmo com a marcação forte do União, Lucas recebeu na lateral direita e cruzou. A bola atravessou a área, mas ninguém do Luverdense chegou para escorar para o gol, e a bola saiu na outra linha lateral.

O Luverdense não parou e aos 21 assustou de novo. Em cobrança de falta, Murilo Sausen cruzou na área e Ítalo subiu mais alto que a defesa do Colorado, porém cabeceou alto e direto para a linha de fundo. Aos 22, o LEC foi para cima novamente. Ítalo ia saindo cara a cara com Neneca, que como um líbero mandou para longe.

Aos 28, o Luverdense abriu o placar. Em cobrança de lateral, Lucas cruzou para a área. Ítalo subiu, ganhou da defesa do União e deu uma casquinha. A bola sobrou para Thiago, que bateu de primeira, forte. Neneca chegou a encostar na bola, mas não foi suficiente para evitar o gol. Luverdense 1 X 0 União de Rondonópolis.

Já no apagar das luzes, aos 45, o União chegou ao empate. Em boa jogada, a bola foi lançada da esquerda para a direita. Gabriel recebeu com liberdade, invadiu a área e cruzou rasteiro, para Yan, embaixo da trave, só empurrar para o fundo do gol, sem goleiro para atrapalhar. Luverdense 1 X 1 União de Rondonópolis.

O Luverdense não se entregou e quase voltou a ficar a frente do placar com um golaço que entraria para a história. Aos 47, Murilo Sausen bateu falta de perto do meio campo, com força. A bola surpreendeu Neneca e explodiu na trave, saindo pela lateral.

Na segunda etapa, aos 16 minutos, Marcos Paulo teve a chance do jogo em seus pés e perdeu gol inacreditável. Em jogada trabalhada do Luverdense, Ítalo recebeu bem, se livrou da zaga do União e rolou para o centroavante, que de frente com Neneca bateu para fora.

Nos minutos finais o Luverdense cresceu na partida, mas parou em Neneca. O primeiro milagre foi operado aos 40. Leandro Nunes recebeu, invadiu a grande área e clareou para a canhota. Ele soltou o pé e a bola ia no ângulo, mas o experiente goleiro fez linda defesa.

Aos 43, mais uma chance do Luverdense. A bola sobrou na direita e o atacante do Luverdense soltou a bomba. A bola explodiu em Odail Júnior e saiu pela linha de fundo. Na cobrança de escanteio, a bola veio fechada e Neneca apareceu de novo, para afastar o perigo.

Já aos 44, mais um milagre do goleiro do União. A bola foi cruzada na área e Lucas Lopes subiu alto, sozinho para cabecear bem. A bola ia morrendo no fundo da rede, no canto esquerdo, mas Neneca saltou e fez grande defesa, espalmando para longe.

E Neneca foi o nome do jogo. Aos 46, Murilo Sausen recebeu sozinho, de fora da área e soltou o pé. O goleiro pulou bem e foi buscar a bola no canto direito, mandando para linha de fundo. Na cobrança, o perigo foi afastado definitivamente.

Apesar das tentativas do Luverdense, quem chegou ao segundo gol e sacramentou a classificação foi o União. O LEC perdeu a bola no campo de ataque, o Colorado saiu em contra-ataque rápido e organizado. JP Ribeiro recebeu sozinho, sem goleiro e só teve o trabalho de empurrar para dentro do gol. Luverdense 1 X 2 União de Rondonópolis.

Conforme Só Notícias já informou, na outra semifinal, esta tarde, o Cuiabá venceu o Dom Bosco, por 3 a 0, na Arena Pantanal, e se garantiu na final. Na ida, o Doura já havia vencido por 1 a 0, fora de casa.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: Kelvin Ramirez/Só Notícias)

 


Nenhum comentário: