MVP do Brasileirão masculino receberá o Troféu Oscar Schmidt - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

quarta-feira, 19 de janeiro de 2022

MVP do Brasileirão masculino receberá o Troféu Oscar Schmidt

 


O Brasileirão masculino 2022 começa em 18 de fevereiro, e um dos homenageados do ano será Oscar Schmidt. Ídolo do basquete mundial, o ex-jogador dará nome ao troféu que será entregue ao melhor jogador em quadra em cada uma das partidas e também o MVP do Final Four e do campeonato. No ano anterior, Wlamir Marques foi o homenageado.

Oscar é Hall da Fama da FIBA e do Basketball Hall of Fame, nos Estados Unidos. Campeão com o Brasil no Pan de 1987, em Indianápolis, que completa 35 anos em 2022, o “Rei” é recordista mundial de pontos, com 49.737, recordista de pontos em um jogo de Olimpíadas, com 55 diante da Espanha em 1988, e também o recordista de pontos em Olimpíadas, com 1.093.

Com a Seleção, Oscar jogou cinco Olimpíadas, foi três vezes campeão sul-americano e também bronze no Mundial de 1978, nas Filipinas. Passou por Palmeiras, Sírio, America, Juvecaserta-ITA, Pavia-ITA, Valladolid-ESP, Corinthians, Bandeirantes, Mackenzie e Flamengo, sendo três vezes campeão brasileiro, Mundial Interclubes, Paulista e Carioca.

84F22A7E-9A29-43A1-A9CE-32956E0F32B3_1641838407.jpeg

Oscar conversou com a CBB sobre a homenagem.

- Quero agradecer ao meu amigo e presidente da CBB, Guy Peixoto Jr, e a CBB como um todo pelo reconhecimento e por levar o nome do troféu de MVP do Campeonato Brasileiro deste ano. Desejo sucesso ao campeonato e muita sorte a todos os atletas. Que seja um grande campeonato - disse Oscar.

Brasileirão 2022

Concorrerão ao título o Botafogo-RJ, Basket Osasco-SP, Praia Clube/Gabarito/Unimed-MG, Vila Nova/AEGB-GO, ADRM/Maringá-PR, Brusque/FME/Aradefe-SC, Coritiba Monster/Grupo Barigui/Thalia-PR, APAB Blumenau-SC, Clube Tatuí-SP, Liga Sorocabana-SP, Memorial/FUPES/Santos-SP, Sodiê/Mesquita/LSB-RJ, São José Desportivo-SP e AZ Araraquara-SP.

Assim como na última edição, as equipes serão divididas em duas conferências. A primeira conferência terá Brusque/FME/Aradefe, APAB Blumenau, AZ Basquete Araraquara, Clube Tatuí, Liga Sorocabana, ADRM Maringá e Coritiba Monster/Grupo Barigui/Thalia. Já a outra conferência terá Basket Osasco, São José Desportivo, Memorial/FUPES/Santos, Botafogo, Vila Nova/AEGB, Sodiê Salgados/Mesquita/LSB e Praia Clube/Gabarito/Unimed. As sedes da primeira conferência serão Brusque e Blumenau. E a segunda conferência terá como palco Osasco e São José dos Campos.

EDF1F2B0-5637-4AD1-AA97-3B2FEDAD4E4A_1641838424.jpeg

Pelo formato de disputa, as equipes jogam dentro das suas conferências, em turno e returno, avançando depois para o mata-mata de quartas de final e finalmente ao Final Four, quando as quatro melhores equipes disputam as semifinais e a final em jogo único para definir o campeão do Brasileirão 2022. A sede do Final Four será definida posteriormente, através de critérios estabelecidos pela CBB e direção do Brasileirão. A divulgação da tabela oficial será via site da CBB, em breve.

Mantendo as ações da última temporada, o Brasileirão 2022 irá homenagear figuras importantes do basquete brasileiro, ídolos que ajudaram a construir o que somos hoje. Os nomes que batizarão as conferências, assim como o troféu de MVP, de melhor técnico e árbitros, serão anunciados em janeiro de 2022, após as festas de fim de ano, assim como detalhes da data de início da competição, do Final Four e informações sobre as transmissões das partidas.

Nesta próxima temporada, a competição usará também a hashtag #BasqueteParaTodos, numa referência ao modelo de inclusão do Brasileirão, possibilitando que mais equipes possam participar do basquete profissional nacional através de um torneio em molde que desonera as equipes e com entregas de grande potencial como um Final Four com entretenimento, música e premiação.

O torneio também terá rígido protocolo sanitário contra a COVID-19 e cumprirá todas as solicitações e diretrizes das cidades que sediarão as etapas. 

Melhor técnico do Brasileirão masculino 2022 irá receber o troféu Lula Ferreira

Aluísio Elias Ferreira Xavier, mais conhecido como Lula Ferreira, dará nome ao troféu de Melhor técnico do Brasileirão masculino 2022, que começa no próximo dia 18 de fevereiro. Lula nasceu em 2 de janeiro de 1951 e sempre esteve ligado ao esporte. No basquete, começou no Hebraica-SP, passando por Palmeiras e outras equipes. Na Seleção Brasileira, treinou as equpes juvenis até ser auxiliar de Hélio Rubens Garcia. Mais tarde, em 2003, substituiu o treinador e assumiu como técnico principal do Brasil.

Com a Seleção Brasileira masculina, Lula foi campeão dos Jogos Pan Americanos de Santo Domingo 2003 e Rio 2007. Treinando clubes, foi campeão do NBB 2009/10 e da Liga das Américas de 2009 pelo Brasília.

Lula falou com a CBB sobre a homenagem. No ano anterior, Claudio Mortari deu nome ao troféu de Melhor Técnico.

- É uma grande honra ter o meu nome no troféu. Gostaria de agradecer essa grande honra. Tive a oportunidade de ser técnico da Seleção Brasileira adulta nos anos de 2003 a 2007 e isso me ligou demais à essa camisa sagrada. E a Confederação representa a Seleção Brasileira. Isso me emocionou muito. Uma grande honraria receber o nome desse troféu, um reconhecimento por uma vida dedicada ao basquete. Quero agradecer de coração essa lembrança e homenagem. Muito obrigado, CBB - disse Lula Ferreira.


Nenhum comentário: