Dentista, militar e empresário: as profissões dos árbitros brasileiros - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

sábado, 25 de setembro de 2021

Dentista, militar e empresário: as profissões dos árbitros brasileiros

 


Os árbitros do futebol brasileiro não são profissionalizados pela CBF e, portanto, trabalham como autônomos nos principais jogos do país. Diante deste cenário, eles recebem um valor fixo por partida e conciliam a vida dentro dos campos com outras profissões no dia a dia - tem dentista, militar, empresário, professor e até funcionário público.

Veja, no álbum abaixo, as diferentes funções de árbitros conhecidos do futebol brasileiro. As informações são do site oficial da CBF.

Lista em texto Anderson Daronco, 40 anos: professor de educação física André Luiz de Freitas Castro, 47 anos: professor Braulio da Silva Machado, 42 anos: professor de educação física Bruno Arleu de Araújo, 38 anos: militar Dewson Freitas, 40 anos: professor Edina Alves Batista, 41 anos: professora de educação física Elmo Resende da Cunha, 46 anos: policial militar Flavio Rodrigues de Souza, 41 anos: representante comercial Heber Roberto Lopes, 49 anos: professor de educação física Leandro Pedro Vuaden, 46 anos: agente de esportes Luis Flávio de Oliveira, 44 anos: comerciante Marcelo de Lima Henrique, 50 anos: militar Marielson Alves Silva, 39 anos: funcionário público Paulo Robert.

 

Fonte: Vol


Nenhum comentário: