Palmeiras goleia Independiente Petrolero com três de Veiga e já garante vaga nas oitavas - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

quarta-feira, 4 de maio de 2022

Palmeiras goleia Independiente Petrolero com três de Veiga e já garante vaga nas oitavas


 

Nesta terça-feira, o Palmeiras goleou o Independiente Petrolero-BOL por 5 a 0, em Sucre, pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores. Com o triunfo, o Verdão garantiu a classificação às oitavas do torneio e a liderança de sua chave. Abel Ferreira mandou a campo o que tinha de melhor, e o Verdão construiu o triunfo com três gols de Raphael Veiga, um de Rafael Navarro e outro de Murilo.

Na partida de ida, o Palmeiras já havia construído um placar histórico contra o Petrolero, vencendo por 8 a 1 no Allianz Parque – a maior goleada do clube na história da Libertadores. A noite teve um gosto especial para Veiga, que ultrapassou Rony e se tornou o artilheiro do Verdão no torneio em todos os tempos, com 14 gols.

O primeiro tempo do Palmeiras foi bastante tranquilo. Por mais que o time não tenha imprimido um grande ritmo, marcou dois gol em um intervalo de quatro minutos. Veiga abriu o placar de pênalti e, logo em seguida, mandou para as redes da pequena área. Ainda deu tempo de Cristaldo ser expulso, depois de acertar Murilo com o braço.

Tabela e próximos compromissos
Com o resultado, o Palmeiras chegou aos 12 pontos, na liderança isoladado grupo A. O time volta a campo pela Libertadores no dia 18 de maio (quarta), contra o Emelec-EQU, no Allianz Parque, às 19h. Enquanto isso, o Petrolero seguiu com um ponto, na lanterna da chave.

O próximo compromisso do Verdão é contra o Fluminense, em casa, às 16h do domingo, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

O jogo – Após cruzamento de Veiga pela esquerda, Gómez teve a primeira boa chance do jogo, cabeceando para defesa do goleiro. Na sobra, Murilo não conseguiu finalizar. Aos 15 minutos, Francisco Silva colocou a mão na bola dentro da área, e o árbitro assinalou pênalti. Na cobrança, Veiga deslocou com tranquilidade o goleiro, batendo praticamente no meio do gol.

Sete minutos depois, o Palmeiras chegou ao segundo gol na partida. Piquerez cruzou pela esquerda, Dudu recebeu com muita liberdade e rolou para Veiga apenas empurrar para a rede. Na sequência, Dudu cruzou rasteiro para dentro da área, e Rony chegou batendo, parando em defesa de Ayala.

Depois, o Petrolero assustou. Após cobrança de falta pela esquerda, Cristaldo testou firme e viu Weverton defender. Na sobra, o atacante finalizou e teve seu arremate bloqueado por Gómez. Em seguida, Rony foi acionado em profundidade e chutou em cima do goleiro.

Por fim, Cristaldo serviu Florenciañez, que invadiu a área pela direita e finalizou cruzado, sem perigo. No último minuto, Cristaldo recebeu o cartão vermelho direto após acertar uma cotovelada em Murilo, deixando o Petrolero com um a menos. Pela reclamação, o técnico Marcelo Robledo também foi expulso.

O Verdão voltou tranquilo do intervalo e chegou ao terceiro gol aos 14 minutos, em um lindo gol de Veiga. O meia arriscou chute de muito longe e mandou no ângulo direito. Logo em seguida, o Palmeiras marcou mais um. Rafael Navarro recebeu passe de Piquerez, carregou dentro da área e finalizou colocado no canto esquerdo.

O Palmeiras teve grande chance de fazer com Zé Rafael, mas Wesley “roubou” o gol e estava em posição de impedimento. Mas não fez falta, já que Murilo viria a fazer o quinto tento do time de cabeça, após escanteio batido por Scarpa.

Depois, foi a vez do camisa 14 arriscar de fora da área e acertar a trave direita. Por fim, Weverton ainda fez uma grande defesa em cobrança de falta.

Gazeta Esportiva (foto: César Greco/assessoria)

Nenhum comentário: