“É a Copa do Mundo para nós”, diz Jorginho sobre classificação do Cuiabá para Copa Sul-Americana - Na Cara do Gol MT

Últimas Notícias

sexta-feira, 10 de dezembro de 2021

“É a Copa do Mundo para nós”, diz Jorginho sobre classificação do Cuiabá para Copa Sul-Americana

 


Estreante na Série A do Campeonato Brasileiro, mas com uma campanha de time “experiente”, o Cuiabá terminou na 15ª colocação, com 47 pontos, e uma classificação para a Copa Sul-Americana, competição continental, com fase de grupos prevista para começar em abril, reunindo 32 times da América do Sul. A vaga foi muito comemorada pelos jogadores, comissão técnica e torcida, ontem à noite, na Vila Belmiro, após o empate em 1 a 1.

“É Copa do Mundo para nós, com certeza. Um time que vai completar 22 anos dia 12, estreia na Série A, a gente conseguir permanecer e Sul-Americana, é um feito. Com certeza eu estou muito feliz de fazer parte disso, tenho honra de ter sido o treinador nesse ano, ter alcançado esse objetivo, primeiro que foi a permanência, depois a Sul-Americana”, disse o técnico Jorginho.

Com 32 jogos a frente do Cuiabá, Jorginho deixou o futuro “em aberto”, mas ressaltou que “se Deus quiser” ele a torcida se veem na próxima temporada. “É algo que precisamos conversar, até então não houve nenhum tipo de conversa, sabia que o principal era a permanência, como ficou para o último jogo a gente precisava permanecer. Agora naturalmente a gente dá uma relaxada, descansada, e aí sim pensa com calma essa possível renovação”, destacou.

Em uma análise sobre a temporada, o treinador considerou que o Dourado foi inteligente. “Jogamos de acordo com aquilo que precisávamos”. “Assim que eu cheguei aqui entendi que a gente não podia jogar de peito aberto com Palmeiras, Flamengo, Atlético Mineiro, e deveríamos literalmente jogar dentro das nossas expectativas e características com os jogadores que tínhamos. A gente conseguiu em muitos momentos ganhar 3 pontos, apenas fazendo três, quatro transições ofensivas e conseguindo fazer o gol, ganhando de um a zero, apertado”.

Apesar de deixar o futuro aberto, Jorginho considerou que com uma capacidade de investimento maior, a próxima temporada pode ser ainda melhor. “Teremos outras possibilidades, jogadores que a gente pode ter outras opções, éramos um grupo muito enxuto então a gente procurou fazer um campeonato dentro de nossas possibilidades, e os jogadores mereceram essa conquista, porque foram além das expectativas de muita gente, mas sabíamos que éramos capazes”.

Por fim, o comandante agradeceu o torcedor cuiabano e ressaltou a dificuldade do jogo de ontem, diante do Santos, que terminou em 1 a 1. “Agradecer de coração todo o torcedor que nos apoiou o tempo todo lá em Cuiabá, que vieram aqui e nos apoiaram”. “Foi muito difícil, eletrizante, quando tomamos o gol sempre ficamos com a preocupação, o Santos aqui é muito forte, mas fomos eficientes, guerreiros, entregamos todo o coração, sangue nos olhos. Era o jogo de nossa vida e conquistamos nosso objetivo”, completou.

Em 38 jogos na Série A do Brasileiro, o Dourado acumulou 10 vitórias, 17 empates e 11 derrotas. O Cuiabá anotou 34 gols e sofreu 37, terminando com uma das defesas menos vazadas da competição. O aproveitamento foi de 41,2%.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: arquivo/assessoria)

Nenhum comentário: